Skip to main content

os homeless

Hoje no meu trabalho quase que havia uma cena de pancadaria.
Quando um dos gerentes pediu a um homeless que abandonasse o restaurante,devido ao facto de não estar a consumir,eis que começou a agredir verbalmente o gerente,chamando-lhe nomes e sendo mal-educado com os clientes.
Entretanto,o meu colega começou a empurrá-lo à força para o exterior e eis que o homeless começou a ameaçar bater-lhe até que...se estatelou no chão,tal era a bebedeira.
Uma vez lá fora,teimava em não se pôr a andar dali para fora,tendo alguns dos meus colegas ficado de sentinela à porta para que o dito cujo não voltasse a ter a ousadia de entrar.
Foi o momento alto do dia,um momento de entretenimento gratuito para os clientes e transeuntes que por ali passavam e se divertiam com a cena.
Também eu achei divertido,não posso negar;primeiro o tipo a falar com o seu alterego,depois o store manager a apreciar a cena com um ar estupefacto;entretanto a tentativa de o colocar na rua e por fim a queda fenomenal.
Entretanto ligaram para a polícia,a reportar o caso,mas o desgraçado lá achou que a sua boleia estava a atrasar-se muito,pelo que decidiu fazer-se a estrada e acabar com o belo espectáculo que estava a dar.
É cada personagem que ali vai cair.
Eu deixei de trabalhar de manhã porque queria livrar-me de aturar homeless malcriados e a tresandar mau cheiro,mas eles circulam por ali a qualquer hora do dia e da noite,sobretudo de manhã cedo e ao princípio da noite,quando o frio começa a apertar,por isso acabo sempre por ter que os aturar de alguma forma...
Assim como os ratos,os homeless são uma praga nesta cidade.Estão por todo o lado,não fazem nenhum mas acham-se cheios de direitos.
Incomodam com a sua presença e cheiro nauseabundo e espanta-me como conseguem viver nas condições em que vivem,só porque não querem trabalhar.
Aqui não há razão para se viver nas ruas,eles vivem lá porque não querem trabalhar e ainda por cima ainda são ajudados pelo governo,que lhes paga uma pensão semanal que no final do mês totaliza quase um mês de salário mínimo (de Portugal).



Comments

Popular posts from this blog

Alguém sabe onde traduzir certificados aqui em Londres?

Preciso de obter a tradução em inglês dos meus certificados de habilitações,já que me esqueci completamente de tratar disso em Portugal antes de vir para cá.
Agora,tenho uma certa urgência em fazê-lo,porque quero começar a ver de trabalhos ma minha área específica e não sei onde poderei conseguir as traduções.
Penso que no Consulado apenas autenticam e reconhecem traduções,mas não as fazem.
Eu até fazia eu própria a tradução,mas preferia que fosse feita por um tradutor oficial,ou pelo menos poder mostrar a minha tradução a um tradutor de forma a saber se é 100% correcta.
Se alguém souber onde me posso dirigir para fazer isso,agradecia imenso.
Obrigada!

Férias

Acho que nunca fiquei tanto tempo sem ir a Portugal.
Mas amanhã lá estarei, finalmente, oito meses após ter chegado à África do Sul!
Vai ser um mês de férias que vai saber a pouco, mas para o ano conto ir duas vezes a Portugal: no verão e no Natal.
Até amanhã Portugal! Estou quase aí!

coisas que gosto de fazer nos meus tempos livres

Não tenho muito tempo livre para me dedicar às coisas que gosto de fazer,mas tento pelo menos dedicar sempre algum tempo das minhas folgas a essas coisas.
Adoro ler!Lamento é não ler agora tanto como já li em tempos.
Ainda ontem entrei em duas livrarias de Oxford Street e nem dei pelo tempo passar;quando me apercebi,tinha passado parte da tarde entre prateleiras cheias de óptima literatura!
Era para ter comprado um livro do Jostein Gaarder,mas acabei por não o fazer,pois neste momento já estou a ler dois livros,um em inglês: Atonement de Ian Mc Ewan e um em português: Malinche,de Laura Esquivel.
Geralmente,leio mais é durante as minhas viagens de autocarro de casa para o trabalho e vice-versa.
Também adoro escrever;de escrever no meu diário,que mantenho já há alguns anos e onde estão registados alguns dos momentos mais significativos da minha vida,bons,maus,assim-assim.
Actualmente,estou a escrever o meu 18º diário!Já escrevi mais diário que Miguel Torga escreveu,eh,eh,mas claro que a quali…